Ensaio em Guarda Corpo

Esse ensaio é determinado pela NBR 14718/2008 – ABNT – “Guarda-corpos para edificação”.

Guarda-corpo: Elemento construtivo de proteção, com ou sem vidro, para bordas de sacadas, escadas, rampas, mezaninos e passarelas. É também denominado gradil e balaustrada.

O procedimento é dividido em três determinações:

i) Esforço estático horizontal, onde se aplica o esforço empurrando o guarda corpo em ambos os sentidos, feitos uma bateria de três cargas e são aplicadas na parte superior da proteção nos cantos e no centro com um equipamento hidropneumático quem aplica o esforço e, posteriormente, é medido o deslocamento sofrido pela peça;

ii) Determinação do esforço estático vertical, onde se aplica um esforço estático sobre o guarda corpo com uma carga vertical;

iii) Determinação de resistência a impactos, que é o teste mais simples, na qual é usado um saco de couro em forma de gota com massa de 40 Kg fixado no teto. Após ser aplicado uma energia de 600 J, este é lançado contra o guarda corpo e posterior analisa-se se houve ruptura do sistema de fixação e se o vidro permaneceu fixo a estrutura.